Nossa Historia

Tudo começou em  5 de Setembro de 2005, quando então entrava no ar a Rádio Cidade FM 107.9. Era na época uma rádio pequena sem muitos recursos e operava com um transmissor de apenas 50 watts de potencia e com uma antena de transmissão em um lugar considerado baixo. Um ano depois a então Rádio... Saiba mais sobre nós

Blocos de igrejas sairão no Carnaval para evangelizar

A ideia de blocos evangélicos no Carnaval do Brasil não é nova. Mas dia 12 de fevereiro, pela primeira vez a orla de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, receberá o evento “Evangelismo de Carnaval”, promovido pela igreja Bola de Neve.

Além do desfile, com direito a bateria, também haverá um show com cantores gospel na quadra da Acadêmicos da Rocinha no final da tarde. Seguindo a dinâmica do mercado, para participar é necessário comprar a camiseta do evento, que custa R$ 55.

“A época de Carnaval, segundo o mundo, é marcada por um espírito de sensualismo e vulgaridade. Tenha sabedoria na hora de escolher o que vestir. Vá com roupas leves: a camisa do Evangelismo, um shorts e chinelo”, alertam os organizadores no site do evento.

Em evento similar, mas na Barra da Tijuca, o Sou Cheio de Amor, da Igreja Batista Atitude, fará seu desfile pelo quinto ano consecutivo, dia 10 de fevereiro, a partir das 15h.

Renato Guimarães, coordenador do Impacto de Carnaval, nome oficial do evento, explica:

“As pessoas que estão na praia nós convidamos para participar. Na grande maioria das igrejas as pessoas vão para retiros e nós não, nós vamos para a rua. Isso é o impacto”. A expectativa é reunir mais de duas mil pessoas, oferecendo dois trios elétricos e uma bateria com 80 ritmistas – 90% deles formados em oficinas do bloco.

O Sou Cheio de Amor entoará músicas com letras gospel, mas nos ritmos de axé e pagode. O tema de 2018 é “Sou felicidade”. Além de promover a “folia em nome de Jesus”, os membros do bloco afirmam que irão evangelizar, com a distribuição de folhetos e conversas com os interessados. Estão previstas rápidas pregações dos pastores ligados ao ministério. Outra estratégia é a distribuição de copos de água, onde são colocados adesivos com a frase ‘eu sou a fonte da vida’. O “abadeus”, como é chamado o abadá pelos fiéis, custa R$ 20.

“Ano passado, 220 pessoas aceitaram Jesus”, conta Guimarães. Ele explica ainda que para participar do bloco a pessoa não precisa ser da igreja, mas deve respeitar algumas regras, como: nada de cerveja ou qualquer bebida alcoólica e nem roupas ou fantasias que mostrem demais.

O coordenador do bloco assegura: “As pessoas entram e nos veem pulando, sambando com uma motivação que vem do Senhor. Não precisa beber e ter outros artifícios. Conseguimos transmitir essa motivação. Não há passagem na Bíblia que fala que não pode beber. Não podem é se embriagar. Dizem ‘adoro uma cervejinha’, por que não bebem a sem álcool? As pessoas gostam é da euforia que o álcool traz, mas a nossa vem do alto”.

Um terceiro bloco que desfilará na zona sul é a Mocidade Dependente de Deus, ligada à Igreja Evangélica Internacional da Zona Sul. Eles desfilarão na terça-feira de Carnaval, dia 13 de fevereiro, às 14h, na praia do Flamengo.

AD Santa Inês 3, clique aqui e conheça!

AD Santa Inês 3, clique aqui e conheça!

Gospel Vale no Facebook

Evangélicos e católicos estariam se unindo para eleições de 2018

As bancadas evangélica e católica no Congresso estão conversando sobre a possibilidade e apoio mútuo nas próximas eleições. Seu objetivo seria aumentar a representatividade, procurando refletir o tamanho que os cristãos têm na sociedade brasileira.

Segundo o IBGE, evangélicos são cerca de um terço da população, mas sua bancada na Câmara ocupa menos de um quinto das cadeiras. Já a bancada católica tem 48 deputados, menos de 10% dos 513 assentos. No Senado, são apenas 3 evangélicos entre os 81 representantes

A reportagem do Estado de São Paulo revela que é a primeira vez que há um diálogo maior para a união de forças. Os dois lados concluíram que possuem as mesmas bandeiras, que vão além de programas eleitorais, e isso irá fortalecer os valores cristãos. A expectativa é elegerem pelo menos 150 deputados e 15 senadores.

Em alguns estados já existem acordos fechados. Em Alagoas, o deputado católico Givaldo Carimbão (PHS), da renovação carismática, receberá o apoio dos evangélicos para sua campanha ao Senado. Nos próximos meses outros nomes deverão ser anunciados como representante dos dois grupos religiosos.

Quem não esconde seu desejo de tentar uma dessas vagas é o deputado Marco Feliciano (PSC/SP). “Meu sonho é o Senado. Mas, se não houver uma boa articulação [entre as igrejas], não vou trocar o certo pelo duvidoso”, explica o pastor que foi o terceiro mais votado para a Câmara em São Paulo, com quase 400 mil votos.

Bandeiras em comum

As condições para o apoio mútuo é o compromisso com as bandeiras comuns, incluindo a oposição ao aborto, o casamento entre pessoas do mesmo sexo, jogos de azar, eutanásia e ideologia de gênero.

Paulo Melo (PTN), do Movimento Católico Pró-Vida, que também é um dos assessores da bancada católica, afirma: “Os nossos irmãos evangélicos não são nossos adversários e, na medida do possível, estaremos juntos na eleição. Os nossos adversários são PT, PSOL, PSTU e PCdoB, que defendem agenda progressista”.

Do lado evangélico, o deputado Ezequiel Teixeira (Podemos/RJ), apostolo do Projeto Vida Nova, em conversa com o Gospel Prime se manifestou dizendo que “é algo altamente positivo. Quando as bancadas evangélica e católica se unem nós ganhamos todas as votações. É muito importante que nos unamos. Assim vamos ter uma representatividade muito maior”.

Destaca ainda que existem muitas pautas contra a família tramitando e que um país de maioria cristã ganharia muito com essa união de evangélicos e católicos: “Vamos consolidar os princípios éticos e morais que nós, cristãos, temos e defendemos. Precisamos colocar o maior número de representantes no Congresso”.

O presidente da Frente Parlamentar Evangélica, pastor Takyama (PSC/PR) afirmou que “as bancadas evangélica e católica nunca estiveram tão unidas como no último ano. Acredito que nossa aproximação seja de grande importância para o fortalecimento dos valores cristãos. Em 2017 tivemos grandes batalhas. Em 2018, certamente não será diferente. Quanto mais nos unirmos em prol das famílias cristãs, melhor”.

Programação 2018 da Rádio Gospel Vale é lançada com novo logotipo, e novas vinhetas.

Foi lançada a Programação 2018 da Rádio Gospel Vale. Com muitas novidades, nossa programação além de ter os programas abençoados que vocês já conhecem, como o Programa Conexão e Graça com Pr. Roberto Gonçalves, que ganhou nova roupagem com adição de novas vinhetas produzidas pelo prestigiado Grupo Milagre Hoots, de São Luiz do Maranhão, ganhou mais agilidade com a participação de ouvintes em tempo real pelo Whatsapp. Fechamos uma parceria abençoada com a Igreja Novo Templo de Glória que com seus abençoados Homens e Mulheres de Deus sob a Direção do Apostolo Emerson Miúra apresentam vários programas em vários horários sendo assim a Rádio Gospel Vale passa a ter 24 horas de programação Ao Vivo, atendendo milhares de ouvintes necessitados de ajuda em oração, orientação e uma Palavra Amiga. Também mudamos toda a Plastica artística de nossas vinhetas pontes, vinhetas de passagem e trilhas fazendo a Rádio Gospel Vale mais dinâmica, mais pra cima. Por fim mudamos nosso logotipo agora a Rádio Gospel Vale passa a semear pelo mundo a Boa Semente, a Semente que é a Santa Palavra de Deus. A Rádio Gospel Vale de São José dos Campos -SP para o Mundo! Sejam Bem Vindos A Rádio Gospel Vale, Ligando Você em Deus!

Saiba Mais, Clicando Aqui.

Saiba Mais, Clicando Aqui.